in

Bolsonaro comenta morte de Lázaro no Twitter e parabeniza policiais; confira

Nesta segunda-feira, 28 de junho, um dos assuntos mais comentados nas redes sociais e na televisão é a morte de Lázaro Barbosa, de 32 anos, também conhecido como o serial killer de Brasília.

As buscas pelo criminoso, suspeito de assassinar uma familia já durava vinte dias. Além da chacina, Lázaro também era acusado de cometer diversos outros crimes durante sua fuga. No entanto, esses não eram os únicos crimes cometidos pelo procurado.

Segundo informações, o serial killer também era acusado de cometer assassinatos e estupros na Bahia e em Goiás.

Diante da tamanha repercussão do caso, bem como toda a estrutura planejada para capturar o assassino, após ser divulgado a notícia da captura do mesmo, o atual presidente da república, Jair Messias Bolsonaro, recorreu ao seu perfil nas redes sociais para comentar a morte de Lázaro.

A manifestação do presidente aconteceu após o lançamento do Plano Safra do Banco do Brasil 2021/2022, por meio de uma mensagem nas redes sociais.

Na ocasião ele disse que o CPF de Lázaro estava cancelado.

Em uma outra publicação, Bolsonaro parabenizou os polícias envolvidos na busca pelo foragido. “Parabéns aos heróis da PM-GO por darem fim ao terror praticado pelo marginal Lazaro, que humilhou e assassinou homens e mulheres a sangue frio. O Brasil agradece! Menos um para amedrontar as famílias de bem. Suas vítimas, sim, não tiveram uma segunda chance. Bom dia a todos!

Lázaro Barbosa foi capturado após ser flagrado por câmeras de segurança andando por ruas próximas a casa de sua ex-sogra, em Águas Lindas (GO).

Mais cedo, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, fez o anúncio em suas redes sociais de que o serial killer teria sido preso. Instantes depois, agentes que trabalham na captura confirmaram que ele estaria morto. O corpo foi levado para o Hospital Bom Jesus, em Águas Lindas.

Segundo as informações, após saberem que o criminoso estava por perto, as equipes saíram em busca de Lázaro e obitiveram êxito em encontra-lo, no entanto, ele não se entregou e atirou contra a guarnição que revidou. Após o confronto no matagal, Lázaro ainda chegou a ser socorrido e levado a uma viatura do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu.

Vídeo: Transtornado, Bolsonaro arranca a máscara e grita com jornalista da Globo: ‘cala a boca’

Bolsonaro diz que Eduardo Leite está “se achando o máximo” após assumir homossexualidade