in

Simone e Simaria receberam alta quantia em dinheiro do Governo Bolsonaro e são detonadas na web; Saiba o valor!

A dupla sertaneja Simone e Simaria são donas de grandes hits musicais e colecionam milhares e milhares de fãs pelo Brasil e no mundo. No entanto, uma polêmica envolvendo o nome das coleguinhas pegou todos de surpresa nesta quinta-feira, 12 de agosto.

No ano de 2019, o atual Governo lançou um clipe em campanha de combate à violência contra a mulher, onde contava com a presença de Simone e Simaria que deram voz a música do projeto.

De acordo com uma matéria publicada no site The Intercept Brasil, o Governo de Bolsonaro pagou ao menos R$ 4,3 milhões para apresentadores de TV, radialistas, influencers e Simone e Simaria fazerem merchandising de seu governo.

A Secom enviou 263 notas fiscais para a CPI da Covid sobre “pagamento de cachê”, que juntas somam R$ 4.846.601,72. Entre esses documentos, o Intercept analisou 139 notas, que somam R$ 4,3 milhões. Foram considerados valores mais altos e desconsiderados pagamentos para emissoras locais com valores menores.

No topo da lista de quem recebeu cachê estão Simone e Simaria. O governo pagou R$ 1 milhão para a dupla, que vendeu sua imagem para falar sobre o Combate à Violência Contra a Mulher. Quem também faz parte da lista são: César Filho, Ana Hickmann, Datena e Sikêra Júnior.

No Twitter, a dupla vem recebendo vários ataques:

Assessor de Biden diz confiar em instituições brasileiras e não haver indício de fraude em eleições

Vídeo: Doria chama Bolsonaro de “criminoso” e comemora própria fala: “Toma, Bolsonaro!”