in

Vídeo: filho de Bruno Covas se emociona muito ao se despedir do pai – O último Adeus!

Na manhã deste último domingo (16) a triste notícia de óbito do Prefeito de São Paulo, Bruno Covas, abalou o Brasil inteiro. Em meio várias perdas em decorrência do novo coronavírus, temos esquecidos que existem diversas outras doenças que são difíceis tanto quanto, como a exemplo o câncer.

Essa semana dois grandes nomes perderem a luta para essa terrível doença: Bruno Covas, devido a tumor agressivo no estômago e Eva Wilma, atriz global por um tumor no ovário. No último sábado, 15, um boletim médico informou que o quadro de saúde do político era irreversível. 

 A informação de seu estado crítico circulou rapidamente pelas mídias sociais e deixou o país inteiro comovido, logo a notícia de seu falecimento veio em seguida e partindo o coração da família e amigos, em especial do seu querido filho, Tomás Covas, de 15 anos. Bruno Covas se foi, mas conseguiu deixar um bom legado de dar exemplo de ser humano incrível e um bom político.

 Ainda neste domingo, foi realizado o sepultamento do Bruno, e a cerimônia foi tomada pela emoção. O filho que viu sempre  o pai como um ídolo, chorou incansavelmente durando o velório do pai.

 Ademais, o velório foi realizado de portas fechadas, apenas com a presença de para amigos e familiares de Bruno. O Prefeito lutou contra o tumor digestivo com metástase no fígado e ossos, desde 2019, quando descobriu a triste doença.

Contudo, nas últimas semanas, ele começou a apresentar uma piora no quadro e segundo os médicos seu caso não tinha mais solução. Bruno estava internado no Hospital Sírio Libanês, desde o último dia 2, em São Paulo.

Quando o corpo do parlamentar chegou ao Edifício Matarazzo, foi recebido com fortes aplausos e foi ovacionado por todos que estavam presentes na cerimônia. Durante o sepultamento, Thomás Covas recebeu o conforto de Gustavo Pires, amigo pessoal e assessor de Bruno.

Confira o vídeo de Thomás no velório: 

Fonte: Brasil Acontece

Pelé faz homenagem para Bolsonaro e gera polêmica nas redes sociais; entenda o caso

Caso Henry: Papa Francisco escreve carta em solidariedade ao pai do menino e classifica crime como ‘massacre’